Bem Vindo!

REFLEXÕES DE UMA TRAJETÓRIA EM EDUCAÇÃO

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em estoque

R$39,00
OU

Descrição Rápida

 


Inayá Bittencourt e Silva


 


O conjunto dos textos focalizados no presente volume se constitui de alguns ensaios que resultaram da necessidade de busca de respostas para nossas atividades profissionais de Professora, mas principalmente de Diretora e de Supervisora de Escola. A maior parte deles foi publicada em revistas universitárias. Sua característica básica é a preocupação com temas recorrentes no universo escolar e que foram constantemente impostos à nossa reflexão no exercício do Magistério Superior.


 


Esta edição recebeu apoio do Centro Universitário de Araraquara - UNIARA.








 


APRESENTAÇÃO


 


O conjunto dos textos focalizados no presente volume se constitui de alguns ensaios que resultaram da necessidade de busca de respostas para nossas atividades profissionais de Professora, mas principalmente de Diretora e de Supervisora de Ensino. A maior parte deles foi publicada em revistas universitárias. Sua característica básica é a preocupação com temas recorrentes no universo escolar e que foram constantemente impostos à nossa reflexão no exercício do Magistério Superior. De acordo com o índice estabelecido temos:


EIXO TEMÁTICO I


1 - “A Construção Política da Educação”- ensaio não editado. O estudo se inicia por uma reflexão sobre o sentido da educação brasileira num cenário que combina questões relativas a diferentes tempos históricos e em que se questiona o sentido de educação e da construção social e política da escola. Comparando as relações do trabalho pedagógico com o de outras práticas sociais é que são percebidas as diferenças de ordem teórica e prática, importantes para o conhecimento do significado da relação educativa ideal.


2 - “A Globalização mundial e a Educação”- ensaio publicado na Revista Uniara nº 2, de 1997, do Centro Universitário de Araraquara. Discorre sobre a constatação de um recomeço da História: em lugar de sociedades nacionais, surge a sociedade global com transformações que tornaram obsoletos os antigos conceitos. Concebida como polo cultural, deve a escola oferecer a seus frequentadores conhecimentos e habilidades que lhes possibilitem situar-se no mundo. O atual estágio de desenvolvimento tecnológico apresenta desafios novos, que se refletem nas exigências sobre a educação


3 - “A Crise de Paradigmas e a Educação”- ensaio publicado na Revista Uniara nº 3, de 1998, do Centro Universitário de Araraquara. Mostra que o abalo das certezas levou os pensadores, que têm se detido sobre as diferentes tradições científicas, a focalizar os desdobramentos das mudanças na forma de pensar e de construir os conhecimentos. A finalidade é chegar, nesta fase de substituição de paradigmas, às transformações que se fazem necessárias em educação, para que o conhecimento seja orientado para fins benéficos e não destruidores.


4 - “A Ideologia na Educação” - ensaio não editado. O estudo se inicia pela rediscussão do tema Ideologia. Diferentemente da aparência objetiva e necessária que é apresentada, a educação escolar no sistema capitalista se caracteriza pelo ocultamento das mediações entre estrutura de dominação e as desigualdade das classes e como isso se apresenta como condição normal do ensino escolar.


EIXO TEMÁTICO II


5 - “A Função Social da Escola” - ensaio publicado na Revista Tempo & Espaço nº 4, de 2003, do Instituto Taquaritinguense de Ensino Superior. É reafirmada neste artigo a importância da transformação da escola para integrar-se ao processo global e a necessidade de adoção de uma prática pedagógica competente e socialmente comprometida com o tempo presente, seus problemas e suas necessidades. Uma escola que também seja comprometida com a formação do cidadão.


6 - “Relatório Nacional Brasileiro” - ensaio não editado. O texto faz uma rápida análise de um documento preparado para ser apresentado em Copenhague em 1995 na Cúpula Mundial para o Desenvolvimento Social. Com a pretensão de guiar ações a serem desenvolvidas como prática cotidiana, o relatório dá ênfase à revisão da postura do pessoal ligado à educação, do conteúdo dos livros e do enfoque usado na prática educacional, para eliminar todas as formas de preconceito e se transformar em processo inclusivo, de fato.


7 - “A Violência na Escola” - ensaio publicado na revista Tempo & Espaço, nº 01, de 2.000, do Instituto Taquaritinguense de Ensino Superior. Apesar de serem consideradas fenômenos históricos e universais, as manifestações de violência que estamos presenciando cada dia com maior gravidade e frequência, nos obrigam a procurar entender suas causas e efeitos, na tentativa de tentar minimizálas. O artigo pretende, então, refletir sobre: a relação entre a violência e o Poder, o Estado como instrumento de violência e a função social do processo educacional no combate à violência.


8 - “Reflexões sobre o Fracasso Escolar” - ensaio não editado. A evolução das pesquisas e a ampliação do conhecimento mostraram as situações vivenciadas pelas crianças em seus contatos pessoais e socioculturais. A causa considerada orgânica e única foi ultrapassada dando lugar a razões mais complexas para a evasão e a repetência como fenômenos que atestam o fracasso escolar.


9 - “O Projeto Pedagógico” - ensaio publicado às páginas 5 e 6, da “Seção Fala Supervisor” do jornal APASE (Sindicato dos Supervisores de Ensino do Magistério Oficial no Estado de São Paulo), de fevereiro de 1998. O texto trata da elaboração do Projeto Pedagógico. Projeto esse que precede e organiza o trabalho coletivo da escola e que compreende as atividades realizadas pelos professores e também as realizadas pelos demais profissionais da educação.


10 - “Temas Transversais: Pluralidade Cultural” - ensaio publicado na revista Uniara nº 7, de 2.000, do Centro Universitário de Araraquara. Os Temas Transversais se referem a questões consideradas de grande importância na atualidade, com a característica de abrangência nacional e urgência social. Entre os temas o texto cita a Pluralidade Cultural como destaque. Nas instituições escolares a repercussão da discriminação por diferença étnica, de classe e de gênero se transforma em arena em conflito. A historiografia oficial disfarça seus preconceitos, inclusive o racismo, através do que não é mostrado, nem comentado. Os documentos nacionais, por sua vez, ocultam as desigualdades que dizem respeito à discriminação social, econômica e simbólica.


11 - “O Sociólogo e a Educação” - ensaio publicado na revista Ensino e Sociedade, nº 01 de 2001, da ANUP , Associação Nacional de Universidades Particulares de Brasília. Os atuais desafios, estímulos e tensões, acentuam a necessidade de mudanças na Educação. Tais fatos provocam reações de ordem política, social e cultural que demandam práticas e formas novas de enfrentar o mundo, em que o sociólogo, como cientista, tem uma importante contribuição a oferecer.


EIXO TEMÁTICO III


12 - “Ética e Educação” - ensaio publicado na revista Ensino e Sociedade, nº 02 de 2001, da ANUP , Associação Nacional de Universidades Particulares de Brasília. O texto pretende fazer uma revisão do sentido de Ética, mostrando sua importância para o momento atual e para a educação. Faz uma ligeira comparação com a Moral e a Violência e uma reflexão sobre a consciência Ética.


13- “O pensamento complexo e a Educação” - ensaio publicado na revista Matiz, nº 01, de 2005, do Instituto Matonense Municipal de Ensino Superior. Neste início de século o futuro da ciência tem sido constantemente questionado A aplicação de uma ciência limitada a situações idealizadas e simplificadas não mais se sustenta. A fragmentação e separação dos saberes por setor de conhecimento se contrapõe à realidade dissociando os problemas polidisciplinares, multidimensionais e transnacionais fragmentando o global e diluindo o essencial.

capa 1

Mais Visualizações

Detalhes

SUMÁRIO

  • PREFÁCIO
  • APRESENTAÇÃO
  • EIXO TEMÁTICO I
  • A construção política da Educação
  • A globalização mundial e a Educação
  • A cri se de paradigmas e a Educação
  • A Ideologia na Educação
  • EIXO TEMÁTICO II
  • A função social da Escola
  • Relatório Nacional Brasileiro
  • A violência na Escola
  • Reflexões sobre o fracasso escolar
  • O Projeto Pedagógico
  • Temas Transversais: Pluralidade Cultura l
  • O sociólogo e a Educação
  • EIXO TEMÁTICO III
  •  Ética e Educação
  • O pensamento complexo e a Educação

 

Informações Adicionais

Autor (es) / Organizador (es) Inayá Bittencourt e Silva
Editora (s) Junqueira&Marin Editores
ISBN 978-85-8203-066-0
Área (s) / Assunto (s) Sociologia e Filosofia da Educação; Cotidiano Escolar; Ensino e Aprendizagem; Profissão Docente.
Edição / Ano 1ª / 2014
Nº de Páginas 192
Acabamento / Formato brochura - costurado e colado / 14cm x 21cm

Tags do Produto

Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.